Menu geral Informações do website E-mail(s) de destino dos formulários Dados do usuário Páginas (geral) Padrões de página Sliders Conteúdo de páginas Fundo, cabeçalho e menus Rodapé Janela de boas-vindas Página suspensa Multimídia Gerenc. de cadastros Estatísticas Ferramentas Aplicativos Informativos

Colunas | Blogs | REVISTA MAISBONITA | Carlinhos Pró-Menor

Carlinhos Pró-Menor

34 anos de responsabilidade

Social no Brasil

Militar na reserva da Força Aérea Brasileira, Carlos Roberto dos Santos, mais conhecido no Brasil e no exterior como Carlinhos Pró-Menor é um exemplo de superação, após vencer o descaso social e os maus tratos sofridos na infância e adolescência quando esteve ao cuidados da extinta Fundação Nacional do Bem-Estar do Menor (Funabem), até os seus quase 18 anos. Nascido em Cataguases, no interior de Minas Gerais, se mudou para o Rio com a família quando ainda era bebê, indo morar na favela Nova Holanda, em Bonsucesso, onde a sua mãe morreu.

Com a morte dela, o pai entregou os filhos para uma vizinha, dizendo que os buscaria em uma semana e nunca mais voltou. Sem condições de criar as crianças, ela entregou a custódia deles Funabem. Lá, Carlinhos colecionou fugas dos orfanatos que passou para usar drogas com os colegas nas ruas do Rio. Mesmo com todas as dificuldades, Carlinhos sempre gostou de estudar e, com muito esforço e dedicação, sua vida mudou quando ele foi aprovado na Escola de Especialistas da Aeronáutica, conquistando uma das 500 vagas ao ser aprovado entre os 20 melhores colocados no concurso, disputado por 35 mil candidatos de todo o país. Após se formar sargento, voltou à Funabem para visitar os jovens internos e, naquele momento, resolveu se dedicar para a inclusão social de jovens carentes, através da educação.

- A educação mudou totalmente a minha vida. Então,  percebi que eu tinha que fazer algo para mudar a vida daqueles jovens e decidi que precisava me dedicar para ajudar na recuperação desses garotos. Se eu consegui, com certeza, eles conseguriam também - disse.

Em 1984, Carlinhos fundou o Instituto Pró-Menor, dentro da Base Aérea do Galeão, com diversos projetos sociais que já atendeu mais de 30 mil jovens carentes e levando o projeto para 18 estados em todo o Brasil. Com tanta notoriedade dentro do social, Carlinhos foi duas vezes indicado ao Prêmio Nobel da Paz (2010/2011), no grupo da América Latina. Também é autor do livro O menor que se fez maior, um dos mais lidos nas salas de aula do país.

Tendo o eterno ídolo do Flamengo, Zico, como um dos padrinhos da ONG e membro do conselho consultivo, o Instituto Pró-Menor já ajudou na formação de diversos jovens que também foram oriundos da Funabem e hoje são grandes profissionais, pais de família e pessoas de bem.

- Poder contribuir com outros jovens com história parecidas com a minha é uma satisfação muito grande. É muito gratificante ver que esses meninos se tornaram adultos de bem, profissionais e constituíram suas famílias. Fico muito feliz e quero poder colaborar muito mais, porque tem muita gente que precisa nesse nosso Brasil - afirmou Carlinhos, que realiza palestras motivacionais em instituições públicas e privadas do país, como o tema: Transformando sonhos em realidade.

Dono de diversas honrarias e homenagens, Carlinhos já foi condecorado com as principais comendas do Rio, as medalhas Tiradentes e Pedro Ernesto, concedidas pela Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro e Câmara Municipal do Rio de Janeiro, respectivamente. Também é fellow da Ashoka Empreendedores Sociais, que é uma organização internacional sem fins lucrativos, com foco no empreendedrismo social em todo o mundo.

www.carlinhospromenor.com.br

 

Matéria: Jornalista Bruno Lima

Compartilhe

Revista MaisBonita - 2018

Flag Counter